O seu Blog de Espiritismo.

Joca Dalledone

17-04-2011 22:23

 

Entrevistas

 
O FRANCISCO REBOUÇAS - ESPIRITISTA, APRESENTA A ENTREVISTA QUE NOS FOI CONCEDIDA POR JOÃO VICENTE DALLEDONE OU SIMPLESMENTE “JOCA DALLEDONE” PRESIDENTE DA BUSS (British Union of Spiritist Societies), ALÉM DE DEDICADO TRABALHADOR DA SEARA ESPÍRITA EM LONDRES.
Entrevista:

FR : Caro Joca, como aconteceu o seu encontro com a doutrina espírita?
 

R: Meu avô fundou um centro espírita em Curitiba, que minha mãe freqüentava. Foi através dela que tive meu primeiro contato, mas só em Londres é que realmente me dediquei ao Espiritismo. A minha adesão definitiva em Londres foi facilitada por trabalhar profissionalmente com o dirigente de um centro espírita em Londres (Kleber Celadon). Através desse contato comecei a freqüentar e a me interessar intensamente pelo estudo da doutrina. A partir daí tudo correu muito rápido e naturalmente.

FR: Qual a casa espírita que você freqüenta hoje?

R: Solidarity Spiritist Group, onde fui co-fundador e primeiro presidente. Agora a direção conta com a portuguesa Maria Gomes.

FR: Como e porque aconteceu sua ida para Londres?

R: Mudei-me para Londres para estudar e trabalhar com música. Sou professor de música.

FR: Que funções você exerce na atualidade no movimento espírita?

R: Sou presidente da BUSS (British Union of Spiritist Societies)- Uniao Britanica das Sociedades Espiritas, nossa federação, e vice-presidente do Solidarity Spiritist Group.

FR: Como está o movimento espírita na Inglaterra nos dias da atualidade?

R: Acredito que vivemos um momento muito bom para o Movimento Espírita neste país. Vejo os grupos e espíritas genuinamente mais maduros e relativamente mais unidos, o que não ocorria alguns anos atrás. Mesmo aqueles que discordam de nossas decisões, o fazem com respeito, não atrapalhando o avanço do movimento.
Se posso citar uma das nossas preocupações é que ainda não está havendo uma iniciativa mais determinada de fazer trabalhos em inglês na maioria dos grupos. Muitas vezes há a iniciativa, mas as pessoas se desanimam logo, pela falta de integrantes e desistem em vez de tentar encontrar soluções. Gostaria de ver os grupos mais preocupados com isso, mas não nos compete “violentar consciência alguma” como nos alerta nosso querido Bezerra de Menezes.

FR: Em que outros países da Europa o espiritismo está sendo divulgado com boa aceitação?

R: Não sou a pessoa mais indicada para responder esta pergunta, pois concentro meus esforços no país aonde vivo. Mas pelo que tenho ouvido e visitado, nos países latinos o Espiritismo se desenvolve com mais naturalidade, no Leste Europeu também parece que um bom número de nativos do país tem se dedicado à causa espírita, muitos através do Esperanto. Mas por menor que seja, há sempre a presença espírita em quase todos os países europeus, na grande maioria iniciado por brasileiros que lá se estabeleceram.

FR: Qual a maior dificuldade que você observa para difundir o espiritismo aí na Inglaterra?

R: O preconceito que há pelo desconhecimento dos postulados espíritas, e a confusão que se faz com as igrejas e médiuns espiritualistas que infelizmente têm pouca credibilidade na sociedade britânica, por causa das fraudes que se comprovaram e pelo fato da cobrança (pagamento) de suas atividades mediúnicas, sem a preocupação do estudo e da auto melhoria moral que é tão enfatizada no Espiritismo. Como a palavra Espiritismo (Spiritism) e Espiritualismo (Spiritualism) são muito parecidas, esta confusão prejudica bastante a difusão da doutrina.

FR: Existem muitas divergências em termos de interpretação da mensagem espírita, em sua opinião porque isso ocorre se os ensinamentos espíritas são tão claros?

R: Como falei, há esta confusão entre duas filosofias, que embora compartilhem muitos postulados, na prática divergem bastante. Dentro do movimento espírita propriamente dito, temos poucas divergências de opinião quanto à mensagem espírita, o que não impede de termos outras divergências de opinião e obstáculos a transpor.

FR: Quantos grupos espíritas compõem o movimento espírita da Inglaterra?

R: 18 centros espíritas, sendo 13 em Londres, 1 em Sheffield, 1 em Edinburgo, 1 em Brighton, Belfast e Coventry.

FR: O Inglês está aceitando bem os postulados de nossa doutrina, ou o movimento espírita na Inglaterra ainda é constituído quase que exclusivamente por brasileiros aqui radicados?

R: 90% do movimento espírita é ainda constituído de brasileiros e portugueses, mas aos poucos o britânico começa a se interessar. Ha muita desconfiança a respeito de doutrinas religiosas em geral aqui no Reino Unido, pelos abusos cometidos no passado, este é outro desafio.

FR: Quais foram as maiores conquistas de sua dedicação ao movimento espírita?

R: As conquistas foram coletivas, somos uma equipe muito unida de voluntários, se não fosse assim nada teríamos alcançado. Vários projetos foram bem sucedidos pela união desses trabalhadores, me orgulho por ser uma pequena parte dessa maravilhosa equipe. Tivemos vários marcos, projetos ambiciosos que nunca se tinha tentado antes como a peça teatral “Two Thousand Years Ago” (Há 2000 Anos), com um elenco de mais de 30 pessoas, trabalhadores e freqüentadores de quase todos os centros de Londres. O Congresso de Medicina e Espiritualidade que demarcou uma nova fase no movimento, com o reconhecimento e envolvimento de britânicos de expressão, dentro dessa sociedade, o que nos deu mais credibilidade, confiança e certeza de estar seguindo no caminho certo. A luta pela aquisição da sede própria da BUSS, a banca de livros no mercado Brick Lane em Londres, o trabalho e apoio continuo com as crianças da Evangelização, que vem se consolidando pouco a pouco. A conferência conjunta com outra entidade britânica (Spirit Release Foundation) ocorrida em outubro do ano passado, etc. Tem sido sem dúvida alguma, um esforço conjunto, o “feixe de varas” que ninguém consegue quebrar, no dizer do eminente espírito espírita Bezerra de Menezes.

FR: Quais são os maiores desafios a conquistar?

R: Respeito e reconhecimento da doutrina Espírita pela sociedade britânica e a luta continua pela união dos espíritas no Reino Unido.

FR: O que você diria a quem lhe pedisse orientação de obras para iniciar no conhecimento do espiritismo?

R: Seguindo campanha iniciada pela FEB anos atrás, comece pelo começo, isto é, O Livro dos Espíritos, Evangelho segundo Espiritismo, Livro dos Médiuns, obras de André Luis, etc. Embora algumas pessoas achem uma leitura um tanto pesada, é a base sólida para que então se escolha outras obras complementares com conhecimento de causa evitando assim livros que não contribuam para a nossa caminhada espiritual.

FR: O aborto continua sendo o assunto mais discutido no meio espírita no momento, de que maneira nós espíritas podemos contribuir para evitar esse crime?

 
R: Dentro da doutrina espírita temos que preservar a liberdade de pensar e agir de cada um. Devemos sim manifestar e exemplificar nossa opinião seriamente baseada na conseqüência dos princípios doutrinários em nossa vida, sem, porem, violentar o direito do outro de discordar e agir conforme lhe convenha. Assim agindo, não estaremos sendo coniventes nem tampouco impondo nosso ponto de vista.

FR: Porque nos dias de hoje, 2009 anos após Jesus nos trazer suas mensagens de amor e respeito ao próximo, o ser humano ainda não pratica seus ensinamentos?

R: Entre o entender e vivenciar, ha um abismo muito grande, que só é transposto pelo auto sacrifício, humildade e dedicação.

FR: Quais seus projetos para o futuro?

R: Esse ano teremos o II Congresso de Medicina e Espiritualidade, estamos ampliando o setor de Serviço Assistencial, com atividades em conjunto com os Samaritanos na época de Natal mandando brinquedos e material escolar as crianças dos países pobres do leste europeu. Estamos na busca do nosso reconhecimento como Entidade Filantrópica (Registered Charity), o reconhecimento do Espiritismo como religião oficializada dentro do Reino Unido, são alguns de nossos projetos para o futuro e contamos com a ajuda de todos para estes e muitos outros, com as bênçãos de Jesus.

FR: Joca, qual é em sua visão a importância da Evangelização na Casa Espírita?

R: É o mesmo que perguntar se queremos que a doutrina acabe com a nossa morte física ou se perpetue por gerações futuras. A evangelização não só beneficia o evangelizando e o evangelizador, mas garante que mensagem espírita, que é de vital importância para a humanidade, se consolide. Nos países como o Reino Unido, é ainda mais importante, pois serão estas crianças que nasceram nessa cultura que levaram a mensagem espírita à frente, falando na sua língua mãe com os aspectos culturais do país aonde nasceram e cresceram.

FR: Joca, o que você gostaria de ter respondido e que não te perguntei?

R: Me parece uma entrevista muito bem elaborada, nada teria a acrescentar.

FR: Joca, quero aproveitar a oportunidade para parabenizar a você e todos os que com você trabalham pela divulgação do Espiritismo em Londres, pelos eventos promovidos por vocês, como por exemplo, as palestras realizadas, com a presença de Divaldo Franco, José Raul Teixeira e tantos outros.

 
R: Nós que agradecemos a oportunidade de divulgar e o apoio sempre carinhoso dos companheiros espíritas do Brasil

FR: Estaremos sempre à disposição para colaborar na divulgação do que for necessário em prol do crescimento da doutrina espírita, fique à vontade para nos contatar sempre que desejar.

R: Agradecemos o apoio e carinho de todos vocês.

FR: Para encerrar, gostaríamos que você deixasse registrada sua mensagem a toda família espírita brasileira, através do FRANCISCO REBOUÇAS - ESPIRITISTA.

R: Vivendo fora do Brasil, nos percebemos quanto privilegiados somos no Brasil com relação ao Espiritismo, tão consolidado, organizado e difundido, com tantas obras e companheiros de valor. Enquanto em outros países as dificuldades são bem maiores, estamos ainda plantando as primeiras sementinhas, enquanto no Brasil já se colhe o fruto. Aproveitem, sabemos que há inúmeros desafios, mas se nos concentramos no que há de bom no movimento brasileiro (que não é pouco), enfraquecemos o que ainda esta por melhorar.

FR: Em meu nome, e em nome de todos os amigos que nos honram com a audiência e a confiança, agradeço a Joca Dalledone, pela gentileza em nos atender para esta entrevista e ficamos a rogar ao Mestre de Nazaré que o guarde em sua paz, hoje e sempre.

(Também divulgada pelo Jornal Correio Espírita - Edição de novembro/2009).

Francisco Rebouças.

Procurar no site

Contatos

Francisco Rebouças

O Verdadeiro Passe Espírita

Palestra Cristiane Parmiter na U.M.E.N.

www.youtube.com/watch?v=3bE3wVzwoxc

Matéria sobre a simples imposição das mãos não convence!

    Simples Imposição das Mãos, porquê?   Caros amigos, volta e meia somos surpreendidos com matérias contendo argumentos de...

O verdadeiro Passe Espírita - R.E.

  Na Cura pelo passe, o Médium passista tem um papel fundamental, não pode ser apenas um mero robô de mãos estendidas como se nada dependesse...

Artigos

26-04-2017 19:03

“Somos servidores do Cristo”

“E, achando-o, lhe disseram: Todos te buscam”. (MARCOS, 1: 37.)   Deus nos impôs o processo reencarnatório, como sublime oportunidade para que...
06-07-2016 22:23

A Celeste indulgência

Porque também nós éramos, outrora, insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e inveja,...
06-07-2016 12:30

A CARIDADE DA TRANSFORMAÇÃO

  Importante não esquecer o valor da beneficência que ampara o enfermo, alimenta o faminto e esclarece o equivocado; da mesma forma, é também...

 

OMS: Suicídio já mata mais jovens que o HIV em todo o mundo

OMS: Suicídio já mata mais jovens que o HIV em todo o mundo

"As pessoas simplesmente pensam que é um crime ter pensamentos suicidas. Não deveria ser...

Francisco Rebouças no Programa " ESPIRITISMO FOCO"

Francisco Rebouças no Programa " ESPIRITISMO FOCO"

https://www.espiritismoemfoco.com.br/2011/08/programa-dia-29082011-tema-o-bem-e-o.html 

Nossa entrevista para a revista O Consolador!

 https://www.oconsolador.com.br/ano2/70/entrevista.html

Artigos

26-04-2017 19:03

“Somos servidores do Cristo”

“E, achando-o, lhe disseram: Todos te buscam”. (MARCOS, 1: 37.)   Deus nos impôs o processo reencarnatório, como sublime oportunidade para que trabalhemos pelo nosso progresso e aperfeiçoamento intelectual, moral e espiritual, desenvolvendo as duas asas que nos proporcionarão perfeito...
06-07-2016 22:23

A Celeste indulgência

Porque também nós éramos, outrora, insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e inveja, odiosos, odiando-nos uns aos...
06-07-2016 12:30

A CARIDADE DA TRANSFORMAÇÃO

  Importante não esquecer o valor da beneficência que ampara o enfermo, alimenta o faminto e esclarece o equivocado; da mesma forma, é também imprescindível não esquecer que precisamos empregar todos os esforços possíveis para alavancar o nosso aprimoramento próprio em todos os sentidos....
20-08-2015 17:17

ACIMA

Emmanuel ...“Ninguém que,tendo posto a mão no arado, olha para trás, éapto para o Reinode Deus.” Jesus (Lucas, 9:62).   A  fim  de  que  nos  promovamos  à  condição  de  obreiros  mais  eficientes,  na  Seara...
03-08-2015 22:32

A REFORMA PEDE URGÊNCIA

  “Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo”. - Paulo. I - CORINTIOS 12:4. ¹ Quando o Positivismo alcançava absurdos índices de negação, com Auguste Comte., e o Catolicismo pregava as extravagâncias da afirmativa, com Pio IX que proclamava a infalibilidade papal, os...
11-05-2011 12:20

Estudar, para divulgar com acerto!

  O verdadeiro alerta de Emmanuel, sobre a caridade com a doutrina Espírita!   Freqüentemente ouvimos de variados companheiros do movimento espírita, de diversas regiões do país, a frase que flui de forma automática de seus lábios, pela qual o conhecido espírito Emmanuel, teria afirmado...
01-05-2011 15:00

Este é o Momento

  Este é o melhor momento, para você começar a sua tão sonhada renovação.   Se a tristeza te quer dominar os sentimentos, reage e medita no benefício que a alegria pode te proporcionar ao corpo e ao Espírito Imortal que procede do Amor Divino que a tudo e a todos envolve.   Se a...
29-04-2011 09:05

Espiritismo, fonte de Luz

"Se Deus é por nós, quem será contra nós...".  Romanos, 8/31. É preciso se esteja atento para a correta compreensão das finalidades da doutrina espírita; como Consolador Prometido inicialmente consola; e consola esclarecendo. Em seguida, esclarece; e o faz consolando.   Por essa razão,...
24-04-2011 16:57

Porque somos contra o Aborto?

      Como cristãos que somos, não podemos de forma alguma compactuar com mais esse absurdo que está sendo cometido contra a sociedade da qual fazemos parte e devemos por isso mesmo ser...
24-04-2011 16:51

O Espírito de Verdade

  José Francisco Costa Rebouças Como espírita que somos, procuramos dedicar toda a atenção aos ensinamentos da nossa doutrina, com a intenção de externar nossa própria interpretação sobre os diversos temas abordados por ela, perfeitamente fundamentados nos conceitos contidos na codificação do...