O seu Blog de Espiritismo.

Gorete Newton

17-04-2011 22:15

 

ENTREVISTA

 
FRANCISCO REBOUÇAS – ESPIRITISTA, APRESENTA A ENTREVISTA CONCEDIDA COM EXCLUSIVIDADE POR GORETE NEWTON, DEDICADA TRABALHADORA DA SEARA ESPÍRITA NA SUIÇA.

Entrevista:

 
FR : Prezada Gorete Newton, como aconteceu o seu encontro com a doutrina espírita?
R: Foi no ano de 1985, na cidade de Salvador, Bahia, Brasil. Eu passava por profundos transtornos psicológicos que me levaram a obsessão avassaladora. Uma longa história...
Certo dia minha mãe me levou (na marra) para um centro espíritta, o Caminho da redenção, onde conheci Divaldo Pereira Franco, e em menos de 24 horas fiquei curada.

FR: Qual a casa espírita que você freqüenta hoje?
R: Hoje, sou presidente e fundadora do CEEAK – Centro de estudos espíritas Allan Kardec em Winterthur, Kantão de Zurique, na Suíça.
FR: Como e porque aconteceu sua ida para Suíça?
R: A empresa onde meu marido trabalho o transferiu do Brasil para o México e do México para a Suíça.
FR: Que funções você exerce na atualidade no movimento espírita?
R: Nos últimos 4 anos, até o dia 22 de março deste ano, presidi a UCESS – União de Centros de Estudos espíritas na Suíça. Sou atualmente presidente de 3 associações, O CEEAK – Centros de Estudos espíritas Allan Kardec, a EDICEI Suisse que é a primeira Secção editorial internacional do CEI, conselho espírita internacional (A EDICEI Suisse foi fundada pelo CEI para beneficiar os Centros espíritas através da edição de obras em lingua alemã assim como distribuir os livros que são editados pela FEB e EDICEI), e também sou presidente do LICHTVERLAG (Editora Luz, que é responsável em editar nossos livros).
FR: Como começou sua ligação com o CEEAK - Centro de Estudos Espíritas Allan Kardec?
R: Desde 1992 quando cheguei em Winterthur comecei a freqüentar um grupo de estudos na casa de uma amiga em Zurique, a Senhora Suzana da Silva Maia, que era diplomata. Quando ela percebeu que iria ter que se transferir para outro país decidiu, muito sabiamente fundar um centro espírita para que o grupo não morresse quando ela fosse embora. Ela encontrou um pequeno porão, alugou com a ajuda de alguns de nós e oficialisou a AFFA, Associação filosófica espírita Francisco de Assis. Quando ela decidiu mudar-se para Trinidad Tobago me convidou para ser Diretora de assuntos filosóficos do centro ao que aceitei profundamente emocionada. Trabalhei na AFFA até 1998 quando fiquei grávida do meu terceiro filho. A AFFA já se encontrava consolidada e tínhamos já muitos trabalhadores de confiança e aptos a seguir com o trabalho, foi quando decidi fundar o CEEAK em Winterthur, cidade onde sempre residi.
FR: Como está o movimento espírita na Suíça?
R: Somos 9 centros espíritas dos quais 8 se encontram congregados em nossa União, UCESS. O movimento é lento, mas sólido e bem estruturado.
FR: Em que outros países da Europa você vê o espiritismo em crescimento?
R: O trabalho espírita na Europa será crescente proporcionalmente às publicações que venham a ser feitas nas linguas de cada país. O movimento em Portugal é grande, pois é enorme a gama de informações e literatura, assim como na Espanha. Depois vem a França e em seqüencia a Alemanha e a Suíça. Nos outros países ainda é um trabalho muito mais hercúleo, exigindo corajosos e abnegados irmãos que não se deixam desestimular pelas dificuldades. Mas mesmo com toda a dificuldade o movimento é crescente. E com o início das atividades do CEI tudo foi se solidificando pois temos a oportunidade de nos encontrarmos e trocar experiências, uns incentivando os outros.
FR: Qual a maior dificuldade de praticar o espiritismo fora do Brasil?
R: Somos sementes espalhadas ao vento, Jesus nos sopra, e caimos em terras diferentes. Às vezes encontramos um canto fértil que nos possibilita brotar. Às vezes caímos sobre pedras e não desistimos, buscamos as brechas onde possamos removê-las, mas brotamos!
A maior barreira é a literatura nas linguas nativas, mas como é necessário adubar a terra Jesus envia Brasileiros que mesmo sem literatura para o povo de alguns países, não se deixam abater e estudam entre si, arando a terra que se tornará fertil um dia, e as sementes em muitos pontos serão plantadas pelos filhos que sairão destes trabalhos feitos entre nós mesmos. Não acho que haja dificuldade em praticar o espiritismo, há dificuldade em vencermos a nós mesmos.

FR: Existem muitas divergências em termos de interpretação da mensagem espírita, em sua opinião porque isso ocorre se os ensinamentos espíritas são tão claros?
R: Sobre as divergências elas ocorrem mais pelas falhas dos que disseminam a doutrina do que pela interpretação da doutrina como um todo. A doutrina espírita é muito clara nas obras básicas, mas nós já temos uma experiência de 150 anos que nos levou a criar novos critérios, principalmente em relação à parte prática, com o auxílio da literatura complementar enviada pelos espíritos. Aí o que interfere é o EGO de cada um, e a falta de ponderação. Somos sempre os mesmo... cada um ainda quer ser dono da verdade e se esquece de abrir mão de pontos de vista pessoais em prol de uma difusão equilibrada e harmônica.
Acho que se evitássemos polêmicas e discussões infrutíferas avançaríamos mais. Muitos que polemizam o tempo todo, gritando para cima e pra baixo deveriam calar-se, para o bem da obra.

FR: Existem muitos grupos de estudos da doutrina espírita na Suíça?
R: Já respondi acima. Somos 9 Grupos.
FR: O Suíço está aceitando bem os postulados de nossa doutrina, ou o movimento espírita na Suíça ainda é constituído quase que exclusivamente por brasileiros aí radicados?
R: A escola preparada para a difusão do espiritismo no mundo é o Brasil. Nós, ex-europeus, ex-americanos, ex-asiáticos etc... renascemos lá para darmos continuidade ao nosso compromisso com Jesus, de absorver na prática, como encarnados, através da convivência com um dos povos mais amorosos e tolerantes do mundo, os arroubos do desprendimento e da abnegação, que vivenciamos a cada dia em nossa encarnação nos dias vividos no Brasil. Lá que tivemos contato com a fé singela e inquebrantável em Deus, com a alegria que muitas vezes brilha nos rostos da miséria. Tudo isso, teríamos que levar em nossa mala existencial, para que a Doutrina espírita entre não só no raciocínio dos povos, mas também em seus corações sedentos de fé e amor.
FR: Quais foram as maiores conquistas de sua dedicação ao movimento espírita ?
R: Muitas me encheram o coração de alegrais que não se podem descrever. Mas a primeira foi ver um suíço, que não fala uma palavra de portugues, mas é casado com uma brasileira, fazer sua primeira palestra em nosso centro, em alemão, ele é um doce de criatura, cientista, e foi o primeiro suíço de fala alemã a fazer uma palestra em nosso centro. Tínhamos até então a contribuição valoroza de nossa irmã Edith Burkhard, mas ela viveu e estudou no Brasil, é diferente, mas ele o Urs não, ele começou estudando com ela e realizou um sonho que eu acalentei por muitos anos. Depois veio mais! Nosso segundo encontro espírita na Suíça, foi aberto pela palestra de Oliver Sprenger, que nem mulher brasileira tem! Ele subiu no púlpito e começou a falar: Nós espíritas na Suíça... eu me debulhei e orei a Jesus em agradecimento pelo que ouvia.
Mas a mais linda foi ver uma de nossas filhas, que era uma criança quando chegamos e hoje está com 23 anos, a Luciana Camenisch, fazer sua primeira palestra com o tema o Suicídio na visão espírita, em alemão.
Tudo isso significa que a semente plantada, já começa a eclodir, e minha alma se alegra. Se amanhã eu faltar, irei em paz, pois cumpri o meu dever. Com a ajuda de abnegados irmãos que trabalham incansávelmente ao meu lado.

FR: Quais são os maiores desafios a conquistar?
R: Publicar livros na lingua alemã. É o maior de todos.
FR: O que você diria a quem lhe pedisse orientação de obras para iniciar no conhecimento do espiritismo?
R: Leiam as obras de Kardec, primeiro o livro dos espíritos, depois o evangelho e depois os outros. Leiam as obras de André Luiz e Emmanuel, e iluminem-se com Joanna de Angelis também, para que possam saber depois distinguir o que é espiritismo do que não é.

FR: O aborto continua sendo o assunto mais discutido no meio espírita no momento, de que maneira nós espíritas podemos contribuir para evitar esse crime?
R: Este é um grande problema da humanidade. Nós só temos uma saída, educar para amar. Tudo começa em casa. As leis humanas são falhas, mas a educação de nossos filhos é a maior contribuição que podemos dar para que estes crimes parem de acontecer. Muitos de nossos filhos serão apoio para seus amigos e amigas, e quem sabe salvarão vidas com poucas palavras. Instruamos na casa espírita a criança e o Jovem, pois somente eles poderão mudar o mundo através dos próprios atos.
FR: Porque nos dias de hoje, 2009 anos após Jesus nos trazer suas mensagens de amor e respeito ao próximo, o ser humano ainda não pratica seus ensinamentos?
R: Porque a Natureza não dá saltos e porque estamos falhando na educação de nossos filhos. Queremos que eles sejam exitosos alunos das escolas para terem um bom emprego, ou serem ricos para poder comprar tudo. Mas esquecemos de ensinar o amor a Deus, a necessidade de lutarmos contra o egoísmo e contra o orgulho. E o pior, muitos ensinamos com palavras mas desensinamos com os próprios atos. O exemplo é tudo!
FR: Quais seus projetos para o futuro?
R: Aprender a amar o meu próximo como a mim mesma. E tentar trazer mais livros em lingua alemã para a Europa.
FR: Amiga, quero agradecê-la de coração, pela maneira tão gentil com que você nos tem enviado as notícias do movimento espírita aí na Suíça e na Europa como um todo.
R: Eu é quem agradeço de coração a oportunidade de responder à esta entrevista.
FR: Gorete Newton, estamos desde há muito, apoiando a campanhaOnde estão as crianças filhas de pais espíritas? Vamos evangelizar os "pequeninos"? Que visa o incentivo da evangelização infantil no Estado do Rio de Janeiro, e, temos recebido muitas informações do Brasil todo de que muitas casas espíritas que não tinham esse trabalho começaram a partir de nosso incentivo. Existe esse trabalho de evangelização da infância e juventude aí na Suíça?
R: Graças a uma alma dedicada, chamada Arlete Länzlinger, temos um belo trabalho sendo desenvolvido em nosso centro, mas outros centros também já tem evangelização, sobressaindo-se o ESTESIA de Berna que tem já há muitos anos um belo trabalho com os jóvens.
FR: Os amigos suíços, levam os filhos aos centros?
R: Sim, temos muitas crianças e jóvens.
FR: Gorete Newton, o que você gostaria de ter respondido e que não te perguntei?
R: Acho que não me perguntaria mais nada. Obrigada por tudo.
FR: Prezada amiga, estaremos sempre à disposição para colaborar na divulgação do que for necessário em prol do crescimento da doutrina espírita, fique à vontade para nos contatar sempre que desejar.
R: Ao que agradeço profundamente e me coloco à disposição para o que esteja a meu alcance.
FR: Para encerrar, gostaria que você deixasse registrada sua mensagem a toda família espírita brasileira, através do nosso Blog espírita.
R: Sejamos pais, sejamos mães. Paremos para olhar o que nossos filhos nos querem dizer. Olhemos nossos filhos nos olhos quando eles falam conosco. Prestemos atenção para sermos verdadeiros amigos de nossos filhos. Educar exige observação, dedicação e abnegação, mas também energia e coragem para as horas em que tenhamos que colocar limites. Sejamos firmes, mas nunca cruéis. Sejamos amor mas nunca permissivos por comodidade. Eduquemos nossos filhos para que se tornem homens de bem, como prega o evangelho segundo o espiritismo, e não pessoas que tenham que, a todo custo, serem melhores que as outras. Eduquemos nossos filhos para serem honestos e se envergonhar dos que roubam e prejudicam a sociedade, mas nunca os eduquemos para que desprezem ou se vinguem. Eduquemos nossos filhos para serem amigos de todos sem distinção, para que não venhamos a ser surpreendidos pelos crimes cometidos por jovens que estamos presenciando todos os dias. O desprezo gera o criminoso.
Tudo isso depende de como nós, pais, mesmos somos.
Sejamos exemplos de homens de bem, pois nossos filhos o serão também.

FR: Agradecemos a Gorete Newton, pela gentileza em atender á nossa solicitação para esta entrevista, e rogamos ao Mestre de Nazaré que a guarde em sua paz, hoje e sempre.
Muito obrigada pela oportunidade desta troca. Que Jesus nos cuide a todos.
Saudações fraternais desde Nova Iorque onde me encontro respondendo esta entrevista.
Abraço a todos os irmãos de ideal espírita rogando para que nos incluam em suas preces.
Carinhosamente,
Gorete Newton


Francisco Rebouças.
 

Procurar no site

Contatos

Francisco Rebouças

O Verdadeiro Passe Espírita

Palestra Cristiane Parmiter na U.M.E.N.

www.youtube.com/watch?v=3bE3wVzwoxc

Matéria sobre a simples imposição das mãos não convence!

    Simples Imposição das Mãos, porquê?   Caros amigos, volta e meia somos surpreendidos com matérias contendo argumentos de...

O verdadeiro Passe Espírita - R.E.

  Na Cura pelo passe, o Médium passista tem um papel fundamental, não pode ser apenas um mero robô de mãos estendidas como se nada dependesse...

Artigos

26-04-2017 19:03

“Somos servidores do Cristo”

“E, achando-o, lhe disseram: Todos te buscam”. (MARCOS, 1: 37.)   Deus nos impôs o processo reencarnatório, como sublime oportunidade para que...
06-07-2016 22:23

A Celeste indulgência

Porque também nós éramos, outrora, insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e inveja,...
06-07-2016 12:30

A CARIDADE DA TRANSFORMAÇÃO

  Importante não esquecer o valor da beneficência que ampara o enfermo, alimenta o faminto e esclarece o equivocado; da mesma forma, é também...

 

OMS: Suicídio já mata mais jovens que o HIV em todo o mundo

OMS: Suicídio já mata mais jovens que o HIV em todo o mundo

"As pessoas simplesmente pensam que é um crime ter pensamentos suicidas. Não deveria ser...

Francisco Rebouças no Programa " ESPIRITISMO FOCO"

Francisco Rebouças no Programa " ESPIRITISMO FOCO"

http://www.espiritismoemfoco.com.br/2011/08/programa-dia-29082011-tema-o-bem-e-o.html 

Nossa entrevista para a revista O Consolador!

 http://www.oconsolador.com.br/ano2/70/entrevista.html

Artigos

26-04-2017 19:03

“Somos servidores do Cristo”

“E, achando-o, lhe disseram: Todos te buscam”. (MARCOS, 1: 37.)   Deus nos impôs o processo reencarnatório, como sublime oportunidade para que trabalhemos pelo nosso progresso e aperfeiçoamento intelectual, moral e espiritual, desenvolvendo as duas asas que nos proporcionarão perfeito...
06-07-2016 22:23

A Celeste indulgência

Porque também nós éramos, outrora, insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e inveja, odiosos, odiando-nos uns aos...
06-07-2016 12:30

A CARIDADE DA TRANSFORMAÇÃO

  Importante não esquecer o valor da beneficência que ampara o enfermo, alimenta o faminto e esclarece o equivocado; da mesma forma, é também imprescindível não esquecer que precisamos empregar todos os esforços possíveis para alavancar o nosso aprimoramento próprio em todos os sentidos....
20-08-2015 17:17

ACIMA

Emmanuel ...“Ninguém que,tendo posto a mão no arado, olha para trás, éapto para o Reinode Deus.” Jesus (Lucas, 9:62).   A  fim  de  que  nos  promovamos  à  condição  de  obreiros  mais  eficientes,  na  Seara...
03-08-2015 22:32

A REFORMA PEDE URGÊNCIA

  “Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo”. - Paulo. I - CORINTIOS 12:4. ¹ Quando o Positivismo alcançava absurdos índices de negação, com Auguste Comte., e o Catolicismo pregava as extravagâncias da afirmativa, com Pio IX que proclamava a infalibilidade papal, os...
11-05-2011 12:20

Estudar, para divulgar com acerto!

  O verdadeiro alerta de Emmanuel, sobre a caridade com a doutrina Espírita!   Freqüentemente ouvimos de variados companheiros do movimento espírita, de diversas regiões do país, a frase que flui de forma automática de seus lábios, pela qual o conhecido espírito Emmanuel, teria afirmado...
01-05-2011 15:00

Este é o Momento

  Este é o melhor momento, para você começar a sua tão sonhada renovação.   Se a tristeza te quer dominar os sentimentos, reage e medita no benefício que a alegria pode te proporcionar ao corpo e ao Espírito Imortal que procede do Amor Divino que a tudo e a todos envolve.   Se a...
29-04-2011 09:05

Espiritismo, fonte de Luz

"Se Deus é por nós, quem será contra nós...".  Romanos, 8/31. É preciso se esteja atento para a correta compreensão das finalidades da doutrina espírita; como Consolador Prometido inicialmente consola; e consola esclarecendo. Em seguida, esclarece; e o faz consolando.   Por essa razão,...
24-04-2011 16:57

Porque somos contra o Aborto?

      Como cristãos que somos, não podemos de forma alguma compactuar com mais esse absurdo que está sendo cometido contra a sociedade da qual fazemos parte e devemos por isso mesmo ser...
24-04-2011 16:51

O Espírito de Verdade

  José Francisco Costa Rebouças Como espírita que somos, procuramos dedicar toda a atenção aos ensinamentos da nossa doutrina, com a intenção de externar nossa própria interpretação sobre os diversos temas abordados por ela, perfeitamente fundamentados nos conceitos contidos na codificação do...